quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

O CÃO CHUPANDO MANGA

O Cão Chupando Manga - Joyce Cavalccante
313 páginas

Por que leu este Livro?
Porque é a sequência - embora possa ser lido de forma desvinculada - de "Inimigas Íntimas", do qual gostei muito. E porque traça um panorama realista da São Paulo da década de 80, tendo como cenário o mundo gastronômico das cantinas italianas, onde se concentram personalidades atuantes da política brasileira em torno de conversas sobre a situação vigente da época.

O livro é sobre....
O livro é sobre as artimanhas de um nordestino quase iletrado, mas ambicioso e sem escrúpulos, que usa de toda a sua esperteza para enriquecer ilicitamente.
Sem ligar para os comentários de todos à sua volta sobre sua feíura extrema, o que lhe valeu o divertido apelido "feio como um cão chupando manga", expressão muito usada no nordeste para definir qualquer coisa superlativa, faz de tudo para conquistar o amor de sua vida, a bela, loira e inatingível Caróla, filha do dono da cantina italiana na qual consegue seu primeiro emprego na capital paulistana, como um simples garçom.
Se ele consegue atingir os seus objetivos, você só vai descobrir lendo este livro.

Pontos Fracos?
Eu considero o livro tão bem narrado, que não encontrei pontos fracos ou momentos em que a trama fique morna ou arrastada.

O que achou mais interessante?
A forma como a autora mostra as reviravoltas que a vida dá, nas atitudes dos indivíduos - que acabam definindo seus destinos.

Para quem recomenda?
Para todos que gostam de uma história envolvente e apreciam a boa literatura brasileira contemporânea, da qual Joyce Cavalccante é um dos ícones mais representativos.

Que nota você dá?
10




7 comentários:

Valdeir disse...

Parabenizo as editoras do blog "O que elas estão lendo" pela apresentação de mais uma resenha.

Quero mencionar algo:
Na maioria das vezes, os produtores das resenhas não apontam pontos fracos nas obras que eles resenharam. Alguém poderia dizer com isso que é "amor cego" pelo livro, ou que "estão passando a mão na cabeça do autor". Mas não acho que seja isso; o fato é que tais obras são tão bem escritas que é difícil ter um olho clínico para apontar falhas.

Abraços e sucesso.

Georgia disse...

Kyanja, muito legal a sua resenha, me pareceu um pouco cômica, me enganei?
Imagine um homem feio tentando chamar a atencao de alguém bonita, rs...

Me parece ser um livro super legal e me despertou muita curiosidade em lê-lo.

Valdeir: Nao sei se ficamos cegos com a leitura. Mas nós já tivemso por aqui muitas outras resenhas onde as pessoas colocaram mesmo os pontos fracos do livro.
Pode ser que um ou outro se deixe levar pelo embalo e depois faz um balanco no geral e ai diz que nao há pontos negativos. Mas muitas que escreveram as resenhas já colocaram os pontos fracos.

Vc já visitou o nosso blog arquivo de todos os livros que já foram postados por aqui?

Aqui está o link para facilitar, mas ele está também no sidebar do blog:

http://www.oqueelasestaolendo.blogspot.com/

Um abraco e volte sempre

Pedrita disse...

fiquei curiosa. beijos, pedrita

Valdeir disse...

Geórgia,

Peço-lhe desculpas. Mas o fato é que eu não me expressei bem.

Quando eu falei que a maioria das resenhas não aponta pontos fracos não quis afirmar que os produtores têm amor cego pela obra. Mesmo porque em meu texto que lhe enviei sobre "O Príncipe e o Mendigo" não apontei nenhum traço negativo (ou fraco) da obra. O que eu quis dizer é que quase todos os livros que os leitores do seu blog escolhe são tão bem escritos que não há como identificar os pontos fracos.

Foi isso que eu quis dizer. Seu blog é de excelente qualidade, assim como as resenhas publicadas nele.

Parabéns e, mais uma vez, desculpas.

Valdeir, http://www.ponderantes.blogspot.com/

Georgia disse...

Valdeir, nada a desculpar.

Foi muito bom tudo isso.

Até porque talvez essa poderia ser a dúvida de outras pessoas que freqüentam o blog.

É verdade o que vc disse: Quando escolhemos uma obra para falar, escolhemos no entanto aquilo que foi muito bom, pois queremos passar para as outras pessoas essas experiências boas que tivemos com a leitura de um determinado livro.

Mas olha, me aguarde, acabei de ler um livro do qual nao gostei muito nao e a escritora é bem famosa.

Estou gostando muito de te ver por aqui.

Um grande abraco

GueGue disse...

Ba, esse livro deve ser muito bom!! Tem que lançar depois o cão chupando manga na chuva!! suahushauhsa

Bejs

Janaina Amado disse...

Me deu vontade de ler o livro também. Gosto da Joyce Cavalcante, principalmente dos contos dela.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...