sexta-feira, 27 de março de 2009

O Dilema de Wendy - Quando as mulheres deixam de agir como mães

O Dilema de Wendy – Quando as mulheres deixam de agir como mães
Autor: Dan Kiley
214 páginas - Editora Melhoramentos
Tradução: Aulyde Soares Rodrigues
Gênero - Psicologia

Por que leu este livro?
Porque estava em um sebo procurando um livro chamado “She” e acabei me encantando por este.

O livro é sobre...
Fala sobre a necessidade que temos de satisfazer o outro para sermos aceitas. Assim, sem perceber, nos esforçamos para agradar o parceiro ou outras pessoas. Vamos moldando gostos e desejos para que tudo ao redor saia como a gente quer e para que recebamos a atenção que desejamos.

Segundo o autor, desde pequenos somos treinadas para buscarmos a aceitação mesmo que isso custe sua autenticidade e abafe seus reais desejos.

Ele discute de onde vem esta voz de inferioridade grita dentro da maioria das mulheres. " A auto-estima negativa é persistente, não só porque uma mudança exige atitudes e comportamentos, mas também porque para libertar-se dela, a pessoa precisa libertar-se da autopiedade. E quando a autopiedade desaparece, a pessoa perde o consolo que a acompanha."

Pontos positivos
Tudo. Impossível não parar para refletir diante de uma frase como: fazemos de tudo para controlar nossa imagem social, porque acreditamos erroneamente que a aprovação dos outros, de algum modo, vai eleminir seu sentimento de inferioridade.

O livro te leva a pensar através de exemplos de mulheres comuns. Apesar de escrito em 84 é atualíssimo! Ele escreveu "A aprovação dos outros tem um efeito de tornar-se um hábito na mulher imatura."
Não parece escrito para a mulher de hoje? Uma mulher que se mata para manter uma casa, marido, criar filhos sozinha, profissão, idiomas, e ainda fazer cara de bonita, só para manter a imagem de forte exigida para ser aceita na socidade?
Este livro mexe com seus conceitos e me deixou pensando se não estamos mais imaturas do que nunca.

Pontos negativos
Não é bem negativo, mas o livro causa uma certa inquietude em você, papel da boa literatura. As palavras lidas ali te obrigam a refletir e sentir-se mais livre para ser quem você é.
Para quem indica?
Para todas as mulheres! Das descoladas às beatas! Livro para ser lido todo ano.

Qual a sua nota?
Dez, dez e dez.



Flavia Mariano - Depois dos 25...

18 comentários:

Bia Kohle disse...

Ain, que vontade!

Celia Rodrigues disse...

Este é um setimento contra o qual eu luto com todas as forças. Fui criada ouvido: "o que as pessoas vão dizer se virem você agindo assim?", e isso me fazia pensar que eu devia agir de acordo com os outros, a fim de sempre agradá-los. Hoje sei que as coisas não devem ser assim e procuro não me incomodar tanto com a opinião alheia, mas mudar o que foi talhado em mim a vida toda às vezes é complicado.

Sobre o sorteio do livro, quero participar!!! Apesar de nunca conseguir ganhar nada, rs.... :(

Adelino disse...

Flavia, apesar de ter sido escrito para as mulheres os conceitos ali emitidos, pelo que disse são perfeitamente aplicáveis ou melhor dirigidos também aos homens. Eu costumo dizer, e nisto não vai nenhuma novidade, que o mundo é um imenso palco. Todos representam; ou tentam representar. Uns bem, outros não. Esforçamo-nos para ser agradáveis às outras pessoas. E isto em excesso não é bom. E não são apenas os imaturos que assim agem.
Gostei de saber que também procura livros em sebos. É lá, segundo um grande intelectual brasileiro, que verdadeiramente começa a vida de um livro. Meus parabéns pela indicação. Feliz final de semana.
Abraços.

Daniela Figueiredo disse...

Hoje mesmo irei atrás do livro! Pelo título não me atrairia, posto que não sou mãe, mas o comentário - no post, a respeito do livro, me fez ter vontade de lê-lo. Gosto de temas que me fazem refletir sobre mim. Valeu pela dica.

Georgia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Georgia disse...

Flávia, fantástica a sua resenha, nao há quem nao fique com vontade de lê-lo, pois todas nós passamos por esse sentimento de inferioridade, de aceitacao. Mas acredito tb que esse tipo de sentimentos sao resolvidos quando a gente se firma na vida e descobrimos que as respostas estao conosco.

Ótima dica!!!

Georgia disse...

Adelino, seja super bem vindo em nosso meio. Nós acreditamos que outros homens também estao nos lendo mas só você tem a coragem de nos deixar um recadinho sempre.

Mas olha, o Fábio Mayer também sempre passa por aqui.

Obrigada e adoramos que vocês estao aqui conosco.

Um abracao

Pedrita disse...

nossa, fazia tempo que não ouvia falar desse livro. eu li há muitos anos o par desse, o do peter pan. muito bom tb. gostei muito do seu texto. parabéns. beijos, pedrita

Mary_Flor disse...

Adorei o blog. Muito legal mesmo!
Sempre que possível darei uma passadinha.
Beijão ebom final de semana =)

Tatiana Carvalho disse...

Tbm quero participar do sorteio.
Tatiana de Carvalho

Georgia disse...

E aqui está a lista atualizada de quem já confirmou o sorteio conosco. A lista está aumentando...

1)Du
2)Nade
3)Nicinha
4)Paula
5)Vanessa
6) Cristiane Marino
7) Fátima Pombo
8) Anunciacao
9) Janna
10) Andrea Rebello
11) Cristiane Fetter
12) Taty Gaspar
13) Valdeir
14) Janaina Amado
15) Maisa Borges
16) €ster
17) Renata
18) Nadja Saori
19) Val
20) Serena Flor
21) Cris (blognovodaCris)
22) Adelino
23) Célia Rodrigues
24) Tatiana de Carvalho

E se seu nome ainda nao está na lista do sorteio, leia as instrucoes no nosso sidebar. Para entrar na lista. Basta escrever que quer fazer parte do sorteio. Entao, está esperando o quê???

***O dia do sorteio tá chegando...

Sonhos & melodias disse...

Flavia, tenho esse livro aqui na biblioteca em que trabalho e nunca tive intenção de ler. mas agora, com sua indicação, menina logo logo,estarei lendo. Obrigada pela indicação.
Bjs

Ciça Donner disse...

Eu PRECISO desse livro! Vc achou em sebo??? Ai, nao... mas vou ter de achar em alguma livraria!

Segunda impressão disse...

Parece sem dúvida ser muito bom esse livro! Tema importante! Vou procurar!

Cláudia Gonçalves disse...

Eu li esse livro há muito tempo (UI!!!). É realmente muito bom.

Bjos.

Cláudia

Monica Loureiro disse...

Adorei o Blog de voces..
Este livro é bem terapêutico. Tive a oportunidade de lê-lo na faculdade, há anos, assim também como COMPLEXO DE CINDERELA....

Vou divulgar o Blog de voces no meu, ok ?
Beijim

Anônimo disse...

Gostei imenso da tua crítica ao livro. Fiquei com vontade de o ler pois concordo com tudo o que disseste!

Sônia disse...

Uma amiga psicóloga me indicou, tanto para meu crescimento e aprendizagem como para pesquisa e aconselhamento.
Já saiu o sorteio?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...