quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

A VIAGEM DE THÉO

A viagem de Théo – romance das religiões - Catherine Clément
625 páginas
Editora Companhia das Letras
Gênero : Romance, religião


Por que leu este livro?
Descobri a Viagem de Théo através de uma aluna de 15 anos que o levou para a sala de aula. Pedi para ver o que ela estava lendo e acabei lendo duas páginas ali mesmo.

O livro é sobre...
A autora tem formação em Filosofia e é um estudiosa de Ciências Humanas. Ela apresenta a história das principais religiões através do olhar de um adolescente de 13 anos: Theodore, “presente de Deus” na língua grega. Théo é filho de pais ateus, mas dedica seu tempo livre a pesquisas na internet, através das quais ele aprende sobre mitos e religiões e como isto influencia a vida das pessoas.

Após descobrir que o jovenzinho tem uma grave doença, Tia Marthe decide levá-lo a conhecer as religiões que ele pesquisara, mas esta viagem será através dos países em que estas crenças nasceram. Assim, Théo sai em uma viagem religiosa pelo mundo: Terra Santa, Grécia, Egito, índia, África, China, Japão, Brasil.

Pontos fracos?
Achei equivocada a maneira como a autora apresenta os cultos de origem africana praticados no Brasil. O leitor que não mora no Brasil, ou um leitor que pouco sabe sobre a nossa cultura, pode ser induzido a pensar que a religiosidade brasileira limita-se às influências africanas; a questão do sincretismo religioso brasileiro não foi abordada.

O que achou mais interessante?
É um livro que induz a uma reflexão sobre os caminhos para a paz. Em um dos trechos, Theodore indaga: “Mas se há um só Deus, então por que eles brigam tanto?”. Théo referia-se aos conflitos na Terra Santa.

Para quem recomenda?
A todos, principalmente aos leitores da idade do Théo: 13 anos. Esta não é uma obra infanto-juvernil, mas cumpre bem a função primordial das obras infantis: entretenimento e educação. Talvez, por esta razão, tenha recebido um prêmio da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil. O personagem Théo nos ensina o respeito por todas as culturas.

Quando acabei de ler este livro, comprei outro volume para presentear meu afilhado (um menino da mesma idade de Théo). Ao final da leitura, ele me procurou dizendo ter entendido perfeitamente o recado: respeito à religião de seus colegas que não professam a mesma fé que ele.

Que nota você dá?
Dez. Deve ser lido por todos
Andréia Mota - http://leioomundoassim.blogspot.com
Você também leu este livro? PARTICIPE!!!

10 comentários:

Pedrita disse...

gostei das suas respostas. eu já tinha ouvido falar desse livro, mas não li. beijos, pedrita

Ana Baldner disse...

Adorei a dica... vou procurar o livro... adoro ler sobre religiões, acho um assunto facinante.

Georgia disse...

Andréa, me lembrou O mundo de Sofia.

Achei muito interessante a pergunta que Theo faz em relacao a existência de Deus.
Vou ver se tem em alemao por aqui.

Obrigada por aceitar o nosso convite.

Um beijao

Andréa Motta disse...

Oi, Georgia! Li seu recado lá no blog; tem razão: essa moça é minha cara rsrss

Quanto ao livro, realmente ele segue a mesma linha de O mundo de Sofia, que eu também comprei, mas guardei para ler nas férias. Obrigada por publicar minha sugestão e boa semana!

Vanessa disse...

Estou lendo este livro por indicação do blog da Andréa. A leitura é muito leve e fácil. Dá gosto de ler.

abraço

Michelle Müller disse...

Báh eu amo esse livro, já li e reli sei lá quantas vezes, é mesmo fasciante... ótima indicação de leitura!
estrelinhas coloridas...

evipensieri disse...

Oi Andréa.

Ainda não li esse livros mas dei de presente a uma amiga e ela me disse que gostou.

Bjs.
Elvira

Adelino disse...

Ótima "dica", Andréia. Valeu.
Abraços.

Anônimo disse...

Ja li o livro para a escola. Nao gostei nao. Alem de ser grande, o assunto do livro é chato. Nao tenho nada contra as religioes, mas o livro enrola muito o assunto.

Anônimo disse...

Esse livro é uma m*rda! Credo ! quem gosta de ler sobre religião ?!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...